'A Grande Ilusão' denunciada por Norman Angell é a guerra, como forma de fortalecer e enriquecer o país vitorioso. Quando escreveu este livro, em 1910, analisou dados resultantes das diferentes guerras que assolaram a segunda metade do século 19, e mostra que os derrotados - França e Rússia, principalmente - estavam já em melhor situação do que os vencedores (Alemanha e Japão, principalmente).


Anarquia Cotidiana

Stefan Molyneux

Clique aqui para ler

As Engrenagens da Liberdade

David D. Friedman

Clique aqui para ler

Teoria do Caos

Robert P. Murphy

Clique aqui para ler

Vícios não são crimes

Lysander Spooner

Clique aqui para ler