Economia terra cercada

Publicado em 29 de outubro de 2014 | por Rodrigo Viana

O punho de ferro por trás da mão invisível

O que você diria se alguém dissesse que as estruturas das grandes propriedades existentes foram frutos do roubo, desapropriação e fraude contra pessoas humildes no passado, de modo que vem influenciando a vida das pessoas até hoje, seja ela rica ou pobre?

Que o monopólio da moeda e do sistema bancário, da infra-estrutura de transportes e da informação e da patente e do direito autoral apenas vem privilegiando determinados tipos de empresas, gerando problemas de cooperação entre a população? Que o complexo militar industrial, isenções fiscais para grandes empresas e repressão política não passa de medidas políticas no qual o sistema corporativo se alimenta dos governos?

Em resumo, que o livre mercado, as trocas apoiadas na igualdade e livres de coerção e privilégio, nunca existiu, sequer passou perto de existir e muito menos tem a ver com a formação econômica dos últimos séculos?

Ficou chocado? Pois esta é a conclusão em que o anarquista Kevin Carson chegou ao fazer uma revisão histórica do sistema econômico desde o início da Revolução Industrial. Neste ensaio, sendo seu primeiro trabalho, Carson traça a ligação do sistema político-econômico atual e chega a uma conclusão: o capitalismo corporativo é nada mais que a própria manifestação do antigo sistema feudal/ mercantilista.

Independente da sua visão política, não deixe de ler. Esse ensaio vai te surpreender.

Para ler o ensaio “O punho de ferro por trás da mão invisível”, traduzido para o português, clique aqui.


Sobre o autor

Rodrigo Viana

Rodrigo Viana é programador, tradutor e escreve para os blogs 'Mercado Popular', 'A Esquerda Libertária' e mantém o blog 'Libversiva!'. Siga seu twitter: @VDigo.



Voltar ao Topo ↑