Europa germany-economy.si[1]

Publicado em 8 de janeiro de 2014 | por Daniel Coutinho

Alemanha, a próxima França?

O Russian Today (RT), um dos maiores sites de notícia da Rússia, publicou um artigo ontem sugerindo que a Alemanha poderia ter atingido o se auge, e que de agora em diante, o país– considerado como o em melhor situação na zona do euro – pode ser o próxima a sofrer com a crise. Adivinhem de quem é a culpa?

Se você disse (ou simplesmente pensou) “o governo”, você está mais que certo. São citadas no artigo as tentativas do governo alemão de alterar as leis trabalhistas, que foram reformuladas a fim de diminuir o desemprego – diminuindo os benefícios para os desempregados, por exemplo – e os subsídios massivos, da ordem de um trilhão de euros, a energia verde. Um adendo importante: apesar de todos os subsídios, a energia na Alemanha custa o dobro do que nos Estados Unidos e 20% a mais do que nos vizinhos. Nada surpreendente para quem já é familiar com as ideias liberais.

E não foi só em energia verde que os alemães realizaram gastos um tanto o quanto duvidosos: com a população envelhecendo – a Alemanha já é o país “mais velho” da Europa – o governo decidiu gastar a “pequena” quantia de 246 bilhões de dólares por ano para encorajar o crescimento populacional.  Em um estranho deja vu, o governo alemão se endividou tanto que agora a economia pode ser pesadamente afetada.

Dificilmente essas seriam soluções para os problemas que o país e o mundo enfrentam em um sistema com mais liberdade econômica e menos intervencionismo. Por que o país não abre as portas para imigrantes, ao contrário de se fechar para eles? Imigrantes tendem a serem jovens dispostos a ganhar pouco inicialmente, o que poderia reverter à maré de envelhecimento da população alemã. Ou, por que o governo fez questão de subsidiar energias verdes? Por que não deixar os consumidores decidirem o que querem? Se a crise finalmente bater na porta (para valer) da Alemanha, teremos mais uma prova que o intervencionismo tende a crise.


Sobre o autor

Daniel Coutinho

Daniel Coutinho é apenas outro libertário nas horas vagas.



Voltar ao Topo ↑